S.C.S. 08 - 1 x A.C. FELGUEIRAS - 1 : 1.ª Mão Apuramento 3.º/4.º

GR - 50 - Freitas
DD - 2 - Passos
DC - 3 - Neto
DC - 4 - Monteiro
DE - 5 - Moreira
MC - 6 - Fábio
MC - 7 - Gonçalo
MC - 8 - Pedrinho
AC - 9 - Diogo
MD - 10 -Rúben (Capitão)
ME - 11 - Carminé

Treinador: Pedro Reis

Golos:
58' Pedrinho

Subs:
71' 17 -Artur por 7 - Gonçalo

Suplentes não utilizados: Rui Alves, César, Bessa, Barbosa, Figueredo, Quim Simões

Bola do jogo patrocinada por:

Foi numa tarde de pouco entusiasmo e pouco entusiasmante que o Salgueiros 08 se despediu esta época dos jogos em casa. A subida de divisão ficou decidida e a disputa do 3.º lugar não pode ter a emoção da luta pela subida ou pelo título.
A convocatória para o jogo tinha imensas limitações com a indisponibilidade de Fernando Almeida e as lesões de Nicola, Samuel, Eládio, Heitor, Rochinha e Quim Simões, que mesmo lesionado esteve no banco de suplentes.

A primeira parte resume-se em poucas linhas: iniciativa de jogo sempre da parte do Salgueiros, com muita posse de bola e sistematicamente a jogar no meio campo do adversário, mas nem sempre bem.
Logo de início um cruzamento de Carminé por pouco não foi emendado por Diogo, o avançado centro neste jogo, no centro da área.
Aos 7’ a primeira grande oportunidade para o Felgueiras na primeira parte, com um ataque rápido e um cruzamento largo a permitir um remate em grande posição mas que saiu por cima.
Carminé rematou de novo com perigo aos 12’. Aos 16’ após grande passe de Rúben, Diogo quase isolado tentou o chapéu mas acabou por rematar para as mãos do guarda-redes. 1 minuto depois foi Passos quem cruzou após grande jogada colectiva, com Diogo a chegar um tudo nada atrasado à emenda na pequena área. Aos 24’ de novo Diogo em destaque, com remate com perigo à entrada da área, após um livre na esquerda de Rúben. Passos, que de novo fez um jogo quase a ala direito, tantas as vezes que subiu no corredor, teve um grande remate na passada aos 29’ que saiu a rasar a barra, tentando aproveitar o adiantamento do guarda-redes.
Aos 32’ o segundo lance de perigo para o Felgueiras, com um remate cruzado com muito perigo.
Aos 38’ Gonçalo talvez tentando cruzar, enviou a bola ao poste da baliza adversária.
No final da primeira parte o Salgueiros acumulava algumas boas oportunidades, muitos remates disparatados e algum jogo demasiado centralizado. Quando conseguiu levar a bola às alas, faltou alguma presença adicional na área para finalizar. O Felgueiras muito recuado quando a defender, acabava com pouca posse de bola mas duas oportunidades flagrantes de golo.

A segunda parte começou logo com um sinal de muito perigo para o Felgueiras, com um avançado a ganhar espaço na esquerda e a rematar cruzado com muito perigo.
O Salgueiros responde aos 57’ com um remate perigoso de Pedrinho, mas sofre o golo de seguida num grande remate de fora de área.
A equipa reage de imediato e marca logo de seguida, com um bom remate de Pedrinho de fora de área, a passe de Moreira.
Aos 69’ após cruzamento de trivela de Passos, a bola acaba por se dirigir à baliza e bater no poste. Logo a seguir saiu Gonçalo e entrou Artur para a ala, com Rúben a colocar-se mais no centro do campo.
A partir daqui o futebol do Salgueiros foi descaindo e a equipa partiu-se, quase num 4-1-5, com Fábio a ficar muito isolado nas tarefas defensivas no meio campo. Isto permitiu que o Felgueiras aproveitasse para visar a baliza de Freitas com maior frequência, chegando com 3 ou 4 toques à área do Salgueiros, aproveitando o espaço dado pelo Salgueiros.
Aos 72’ Freitas faz uma grande defesa a uma bola traiçoeira, com Moreira a evitar a recarga. Aos 83’ de novo o Felgueiras perto de marcar e para terminar aos 85’, após 3 toques dentro da área, o jogador do Felgueiras rematou por cima em grande posição.
Neste período o Salgueiros só criou algum perigo em 2 remates de Pedrinho, em bom plano em todo o jogo, um deles defendido com os pés com imensa sorte pelo guarda-redes contrário.

Um jogo que no final deixou um gosto de final de festa, com o cansaço a sentir-se nalguns jogadores e o entusiasmo e a pressão de um jogo quase de pré-época. O Salgueiros terá que vencer o jogo da segunda mão para assegurar o 3.º lugar.
2 Respostas
  1. Sandro Says:

    Penso que está reflectido neste resumo as incidências do jogo , aquilo que realmente se passou dentro do campo e sinceramente espero mais do nosso salgueiros para a próxima semana em felgueiras . Não será fácil dadas as circunstâncias de final de época , jogar em campo pelado mas esperamos seguramente por mais uma vitória para acabar em beleza

    Só uma pequena correção Luis , o passe para o Pedrinho foi do Moreira . Eu encontrava-me ao lado do banco do felgueiras e era o Moreira seguramente

    De salientar , o bom jogo do Pedrinho , penso que poderá ser uma arma bastante útil para a nossa equipa no futuro


  2. lfg Says:

    ja corrigido
    obrigado


Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.


  • PRóXIMO JOGO

    SCS08 x NOGUEIRENSE
    SAB., 15 FEV. 15:00
    EST. PADROENSE



    COMENTÁRIOS

    ETIQUETAS