S.C.S. 08 - 4 x LUSITANOS F.C.S.C. - 1 - 5.ª Jornada
II Divisão Distrital da Associação de Futebol do Porto
15:00h, 26 de Outubro de 2008
Complexo Desportivo Senhora da Hora


GR - 1 - Igor
DD - 2 - Passos
DC - 3 - Renato
DC - 4 - Eládio (Capitão)
DE - 5 - Rochinha
MC - 6 - Monteiro
ME - 7 - Carvalho
MC - 8 - Rui Lima
MC - 9 - Rúben
AC - 10 - Alex
MD - 11 - Fernando Almeida

Treinador: Pedro Reis

Subs:
42' 18 - Pedro Teixeira por 11 - Fernando Almeida
61' 15 - Heitor por 10 - Alex
79' 16 - Jean por 7 - Carvalho

Golos:
2' 2 - Passos
15' 11 - Fernando Almeida
19' 6 - Monteiro
73' 15 - Heitor

Suplentes não utilizados: Pedro, Mário, Almeida, Figueiredo

Jogo de sentido único a garantir a terceira vitória consecutiva de forma clara e que só pecou pelos golos que ficaram por concretizar. A crónica do jogo bem podia resumir-se à descrição das oportunidades marcadas e falhadas pelo Salgueiros. No 4x3x3 que vem sendo habitual desde a 3.ª jornada, registou-se o regresso do Rochinha para a lateral esquerda depois de 3 jogos de suspensão. A ausência de Cao por lesão obrigou a alterações no meio campo: Monteiro recuou para a posição mais atrasada do trio de meio campo, Rui Lima ganhou a titularidade para a posição intermédia, mantendo-se Rúben como o médio mais ofensivo. Na frente tudo na mesma - Alex no centro e Carvalho e F. Almeida nas alas. O jogo não podia ter começado de melhor forma, com o golo de Passos, num cruzamento que saiu alto e bombeado mas acabou por entrar directo. Desde os primeiros minutos parecia que o jogo terminaria com uma vitória fácil. Aos 15' e como na semana passada, na sequência de um canto adversário, Igor repôs em jogo muito bem, lançando o contra-ataque conduzido por Carvalho que soltou para Alex, que num grande passe à distância por cima da defesa isolou F. Almeida, que marcou de chapéu num golo de muito belo efeito.
Passados 4 minutos foi Monteiro de cabeça a responder a um canto de Rochinha com uma cabeçada colocada para o 3-0. O jogo ficava totalmente sentenciado, sendo que o Salgueiros ainda conseguia 5 jogadas de perigo na primeira parte:
- Aos 30’ F. Almeida, entrega a Passos, sempre muito ofensivo e incansável pelo seu flanco, que cruza para Alex que com pouco ângulo atira ao lado;
- Aos 35’ o ‘ciclista’ Passos entrega a Rúben que dentro da área e sem oposição atira por cima;
- Aos 40’ Carvalho cruza da esquerda por cima da defesa sobrando a bola para Alex que atira por cima;
- Aos 41’ após cruzamento de F. Almeida do flanco direito, Alex cabeceia bem cruzado e bombeado vendo a bola embater na barra, já com o guarda-redes batido.
- Aos 43’ após enorme jogada de envolvimento é a vez de Rui Lima falhar na finalização dentro da área.
E como quem falha acaba por sofrer, na única jogada de perigo dos Lusitanos, após cruzamento da esquerda e com Rochinha pela frente, o avançado remata em volley de pronto e consegue surpreender Igor.
Na segunda parte o Salgueiros não conseguiu jogar tão bem e foi perdendo alguma da supremacia no meio campo. Entenda-se no entanto, que continuou a ser a única equipa criar situações de perigo e a estar perto do golo por diversas vezes, e Igor completou mais uma partida sem trabalho de maior.
Logo aos 52’ Rui Lima tentou surpreender com um chapéu enviando a bola à barra, depois às costas do GR adversário e só depois para fora. Muita felicidade para os Lusitanos. 10 minutos depois é a vez de Heitor cabecear ao poste após cruzamento de Carvalho, que outros 5 minutos depois cruzou de novo desta feita para um bom remate de Rúben defendido por um defesa na linha de golo.
Aos 69’ o Salgueiros fica reduzido a 10 depois de expulsão de Rui Lima por acumulação de amarelos por tentar retardar um lançamento de linha lateral. A partir daqui o Lusitanos consegue sacudir um pouco a pressão e ganhar alguma supremacia na luta do meio campo, tendo conseguido pouco depois o único remate perigoso da segunda parte.
O último golo surgiu aos 73 minutos. Após uma grande recuperação de bola, Eládio avança muito bem no terreno, criando desequilíbrios defensivos ao Lusitanos. Passa a Carvalho e desmarca-se para receber na direita. Carvalho mal não devolve e tenta colocar em Heitor do outro lado, não o conseguindo à primeira, mas ganha de seguida o duelo com o defesa e de novo ganha espaço para isolar Heitor. Desta feita consegue e o avançado com tranquilidade na cara do gaurda-redes estreia-se a marcar pelo Salgueiros nesta época.
No último minuto dos descontos foi a vez de Jean rematar para um corte em ultima instância no chão por um defesa do Lusitanos, ficando a sensação de ter sido feito com a mão. No meio dos protestos do Salgueiros deu toda a ideia que o árbitro apontou a marca de grande penalidade mas corrigiu para canto por indicação do árbitro assistente.
Esta equipa vai ganhando confiança, entrosamento e ritmo de jogo e hoje poderia com facilidade ter marcado 6 ou 7 golos.
5 Respostas
  1. The_Val Says:

    Gostei do jogo do Salgueiros, principalmente na primeira parte. Pena ter caído um pouco na segunda parte. Mesmo assim nota-se cada vez mais entrosamento e dá gosto ver o futebol apoiado e com excelente troca de bola que a equipa pratica. Penso, no entanto, que a equipa deve ser mais agressiva quando não tem a bola.

    Em relação a individualidades, Monteiro e Passos fizeram um grande jogo. Gostei do regresso de Rochinha e destaco ainda Renato que forma uma bela dupla com Eládio, Fernando Almeida, enquanto durou, e Heitor que entrou muito bem.

    Mais 3 pontos ganhos e venha de lá o próximo adversário.


  2. IRRIDUCIBILI Says:

    Eu infelizmente nao marquei presença no jogo devido a compromissos laborais..mas pelo resumo que é feito noto que cada vez mais esta equipa é mais equipa!!!E que também sao poucas as equipas que farao frente ao Salgueiros..
    Concordo plenamente com o the_val, que inda falta agressividade aos jogadores do salgueiros..pois a maioria das equipas destas divisoes usam a força e o pontapé pare frente e os terrenos sao pelado o que dificultará o futebol de nível praticado pelo salgueiros..neses jogos nao podemos ter vergonha de jogar dessa maneira porque será assim que iremos ganhar algum jogos.

    Saudaçoes Salgueiristas.


  3. pereirarjr Says:

    Mais uma grande assistência em termos de público!

    Quanto ao jogo, acho que já estou bastante convencido em relação ao potencial desta equipa em terrenos favoráveis, ou seja, pisos relvados e sintéticos.

    Aguardo com particular ansiedade o desempenho no próximo jogo, que - tudo indica isso - será em terra batida, em São Romão (Trofa).


  4. José Says:

    Carece de informação mas o jogo da próxima semana contra o S. Romão parece que vai ter lugar no estádio Municipal da Maia.


  5. Aenariel Says:

    Fico imensamente contente pelo Salgueiros parecer finalmente ter encontrado a sua forma ideal, apesar de ter em conta obviamente os campos favoráveis em que temos jogado (e os adversários, que não são talvez da maior qualidade que se pode encontrar nesta divisão).

    Tive pena de não poder ter assistido a este jogo (assisti ao Rio Mau - Aparecida da série 2, de um nível francamente inferior contudo).


Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.


  • PRóXIMO JOGO

    SCS08 x NOGUEIRENSE
    SAB., 15 FEV. 15:00
    EST. PADROENSE



    COMENTÁRIOS

    ETIQUETAS