Foto da semana VI

(clique para ampliar)

Os '12' também têm obrigações. Dizem-se e reafirmam-se adeptos de um clube diferente. Não podiam estar mais certos.
Seguem um clube que gera simpatia de forma quase universal. Um clube com identidade própria, necessária a qualquer projecto de sucesso e duradouro, como o é um clube com quase 98 anos de história.
São 98 anos que pesam na camisola encarnada.... Têm mesmo que pesar. Jogar no Salgueiros não pode ser um acto indiferente, automático, um gesto de exercício físico ou prática de desporto. A nível profissional ou não, a história aconselha e obriga a quem enverga as cores do Salgueiros a estar preparado para a superação... a superação semanal e quase diária de dificuldades, carências e idiossincrasias próprias de um clube de ADN distinto e não clonável. Sabe-se que as condições são poucas, mas também se sabe que o retorno de vestir a camisola do Salgueiros é grande e impossível de encontrar em clube de dimensão semelhante. As camisolas devem sair a pingar dos relvados: tem que haver garra, galhardia e luta, principalmente quando tudo parece ser difícil e inalcançável. Isto tem que ser cobrado e será sempre... todos sabemos o que custaram os 98 anos de vida a viver... todos lembramos o que custaram os últimos 10, para se aceitar que a qualquer momento seja esbanjado o esforço para chegar até aqui e a dedicação de quem se recusou a desistir.
Se essa exigência é sadia e se espera permanente, insuportável já será exigir que além de todos os factores, o clube, a equipa e os seus jogadores tenham que lutar, quase esquisofrenicamente, contra o maior activo do Salgueiros: os seus adeptos. E trata-se mesmo de uma luta... de capacidade mental e psicológica para aceitar criticas, opiniões, exigências, gritos, apupos, comentários... Capacidade mental exigida a um grupo com média etária inferior a 23 nos.
À 6.ª jornada, do II a.r. (segundo ano após renascimento de morte anunciada) a equipa segue em 2.º lugar a 2 pontos do 1.º, ainda sem nenhuma derrota. De fora para dentro chegam:
  • 81 comentários à notícia do resultado do jogo, por alto com cerca de 10% deles positivos ou com opiniões e críticas minimamente construtivas – mais do que qualquer post até hoje, seja de quando o Salgueiros renasceu como 08, seja de quando se sagrou pela 1.ª vez campeão;
  • desmembramento do grupo em sectores: ex-juniores (mimados com várias classificações pela sua idade) e veteranos do ano passado (alguns deles com 20/21 anos);
  • exigências ao treinador para por este, aquele ou aqueloutro, com promessas de insultos ao banco caso não obedeça ou que não faz falta nenhuma e deve ir embora (a Pedro Reis que conta com 20 anos de Salgueiros);
  • nas bancadas: intranquilidade, burburinho e marcação cerrada a alguns jogadores com gritos de 'PÁSSA BOLA' por vezes ainda antes de a receber;
  • rumores, boatos e histórias circulando de boca em boca para benefício de sabe-se lá quem.
No meio disto, exigimos capacidade de encaixe e que se habituem depressa... porque o 'Salgueiros é mesmo assim e está habituado a outros palcos com outra exigência'.
É preciso vistas curtas para não entender que grande parte das dificuldades do ano passado se superaram com uma coisa que os outros clubes não tinham: adeptos. Adeptos que apoiaram sempre a equipa, ao Sol e à chuva, concordando ou discordando do onze inicial, da táctica ou das substituições, sempre a pressionar os adversários por esmagamento emocional do apoio que davam à equipa. Apoio que criou mediatismo em torno da equipa que pode potenciar outras possibilidades de viabilidade económica.
Hoje, devíamos perceber que virar essa força intrínseca contra nós próprios é um histórico tiro no pé. É mau não se entender que um jogador de 18 anos precisa de apoio quando perde a bola e não de gritos ainda antes de a receber. É mau não se entender o que sentirá cada jogador (e mesmo a maior parte dos tais experientes têm 20 ou 21 anos) quando vê o seu valor em causa e se exige a entrada de outro no lugar dele, repetidamente até à exaustão. É mau não se entender que um grupo unido não se consegue com os adeptos a serem eles próprios a dividirem os jogadores em grupos, de compatibilidade e convivência na equipa aparentemente impossíveis. É mau não se entender que os SÓCIOS do clube elegeram uma Direcção, que escolheu uma Direcção Técnica para a equipa, que é e terá sempre que ser, até por ser a única com todas as condições para o fazer em conhecimento de causa, soberana nas escolhas e opções técnicas que faz. É mau não se entender que cada vez que se repete uma história ou boato, está-se em 90% dos casos a perpetuar mentiras.
É enfim, muito mau que o grande activo de um clube se torne no seu maior adversário, retirando-lhe a tranquilidade que necessita para um trajecto longo e difícil, que estará repleto de dificuldades, erros e precalços. É muito mau esquecer as dificuldades em que hoje em dia ainda vive o Sport Comércio e Salgueiros e as debilidades do Salgueiros 08... acabado de criar. É muito mau exigir, exigir, exigir, e não dar nada em troca... Não é nos momentos bons que se necessita de uma palavra positiva para animar... nesses não faltará quem carregue em ombros os novos heróis e lhes roube as camisolas... à força se necessário.
A equipa tem feito jogos poucos conseguidos... é um facto irrefutável. A pressão desmesurada sobre tudo e todos, colocando tudo em causa à 6.ª jornada do campeonato ajudará a ultrapassar este momento menos positivo?
Será que agora os adeptos podem ajudar a mudar o rumo dos acontecimentos? Ou preferem contribuir para que se agravem?
Na resposta a esta questão estará a demonstração se merecem de facto o '12' que lhes foi atribuído, ou se são como todos os outros e aguardam que a equipa puxe por eles, em vez de puxarem eles pela equipa.

A reflexão no blog é simples... a premissa foi SEMPRE e SERÁ que o espaço tem que ser uma contribuição positiva para a equipa e para o clube. A avalanche de recentes comentários estarão a por isso em causa... e se na bancada é impossível evitar certos gestos e atitudes, aqui certamente é mais fácil, e não será neste endereço que continuará a ser dado um megafone virtual para todo o tipo de atoardas contra o clube, a sua equipa técnica e os seus jogadores.

À NOSSA UNIÃO,
À NOSSA VITÓRIA,
SALGUEIROS, SALGUEIROS, SALGUEIROS!
Etiquetas: edit post
17 Respostas
  1. Paulo_74 Says:

    Apoiado 100%

    Quem fala assim não é gago.....


  2. RF3 Says:

    "As camisolas devem sair a pingar dos relvados: tem que haver garra, galhardia e luta, principalmente quando tudo parece ser difícil e inalcançável"

    Fico a espera dos GUERREIROS DE PARANHOS!!!

    Ainda nao vi futebol,nem garra, estou a espera entao!


  3. Nuno Miguel Says:

    Concordo com tudo. E digo mais, até me enerva que haja gente que não compreenda a nossa situação.


  4. Jorge Viana Says:

    Simplesmente Luís e a sua capacidade de reflexão e análise ...
    Bravo Luís !!!


  5. fatinha Says:

    É isso mesmo! Também me chateia ler tantos comentários derrotistas, de quem acha que só ganhando mostramos quem somos...
    É claro que queremos ganhar e que só pensando na vitória podemos competir, porque não faz sentido jogar se não for para ganhar... mas as outras equipas também pensam assim e muitas vezes são melhores que nós... isso não é o natural??
    E não é por perdermos (o que ainda nem aconteceu) ou por jogarmos pior do que esperávamos que vamos deixar de apoiar os nossos jogadores, e quem, para tudo, está com eles. Pode ser?
    (Sim, está tudo escrito na primeira pessoa do plural porque é assim mesmo que se considera uma equipa, como um todo, e se somos o número 12, é para nos consideramos parte dela e não para "ver de fora")

    * Força à equipa que somos todos nós *


  6. caro luis a sua analise é boa mas onde andam os guerreiros?
    onde andam as camisolas a pingar no fim do jogo?
    e ja agora onde anda o pedro reis?
    pois este nao é o pedro reis k conheco bem e k vi na ultima época sempre a encentivar os jogadores este pedro cruza os braços nao fala e no fim com um jogo da equipa menos conseguido ainda sai do campo a sorrir.
    por vezes as criticas nao sao interpetradas da melhor forma por outros utilizadores deste blog e ate pelo luis com kem eu tenho respeito e admiracao pelo excelente trabalho desenvolvido,mas sendo assim este sera meu ultimo post neste blog,pois kem nao se sente nao é filho de boa gente e eu gosto de mais do SALGUEIROS para me xatear seja com kem for nao faz o meu feitio.
    continuarei a seguir o blog e o seu excelente trabalho continuarei a seguir o SALGUEIROS sempre k o trabalho me permita sempre apoiando sendo por vezes tmb nao compreendido por kem esta na bancada,mas faz parte deus k é deus nao agradou a tds.

    continue com este maravilhoso blog como disse sera meu ultimo post aki nao responderei a mais nada msm sendo dirijido a mim tanto em criticas construtivas como destrutivas.
    para todos

    saudacoes desportivas e nos vimos por esses campos fora.

    henrique costa

    ORGULHO EM SER SALGUEIRISTA DE CORPO E ALMA.

    a fidilidade da minoria
    a inveja da maioria


  7. Suevo Says:
    Este comentário foi removido pelo autor.

  8. JCQuerido Says:

    Concordo quase na totalidade com o que é expresso na reflexão que encabeça este tópico. Contudo, é uma Reflexão de uma Pessoal Livre de o fazer, como todas as opiniões que até agora aqui foram colocadas.
    Não nos devemos esquecer que o Salgueiros têm no seu historial, como sendo um Clube de pessoas Liberais, Democráticas e Plurais, tendo zelado sempre pela Liberdade de Opiniões (quem não se lembra do comício do General Norton de Matos).
    Não sendo este um Blog Oficial, mas estando mesmo assim sujeito ao escrutinio de um moderador, penso que não é por mal que aqui aparecem algumas reacções menos boas á Equipa. Mas conforme se insulta um arbitro, numa situação momentânea e sem rancor mas fruto do momento, também aqui carpimos as nossa mágoas e isto porque nós nos "Importamos".
    Se ninguém reclama, então está tudo bem.... e tapamos o sol com a peneira.
    Estamos a "crescer" e eu que até tenho filhos pequenos e porque o são, até vou deixar de lhes fazer reparos e alertar para situações menos correctas!!!!
    Todas as criticas têm algo de construtivo, temos é que saber ir buscar a parte que interessa e não ficar-mos pelo todo.

    Um Abraço Amigo a Todos os Salgueirista.

    Sócio 950 (SCS) e 86 (Salg_08)


  9. Boygenius Says:

    Onde estávamos à 2 anos atrás????

    Com maior ou menor dificuldade vamos ganhar e perder jogos, mas o mais importante é que estamos cá, que todos os fins de semana corremos atras da bola! E depois de um derrota, juntos vamos atras de uma victória! Se nós que conseguimos "sobreviver" a tanto nestes 98 anos decerteza que conseguimos entender que o Salgueiros não é um golo marcado ou sofrido!

    Para mim o Salgueiros, é o PRAZER de ver aquela camisola correr no campo!!

    (Mais uma vez, parabéns peço excelente texto Luís!!)


  10. O Luis acertou em cheio em tudo...mas permitam-me destacar um paragrafo para todos interiorizarem:

    "É preciso vistas curtas para não entender que grande parte das dificuldades do ano passado se superaram com uma coisa que os outros clubes não tinham: adeptos. Adeptos que apoiaram sempre a equipa, ao Sol e à chuva, concordando ou discordando do onze inicial, da táctica ou das substituições, sempre a pressionar os adversários por esmagamento emocional do apoio que davam à equipa. Apoio que criou mediatismo em torno da equipa que pode potenciar outras possibilidades de viabilidade económica."

    Eduardo Silva
    Sócio SCS 662
    Sócio SCS08 60


  11. ZeKa ALMA85 Says:

    fdx até choro a ler isto,é lindo pertencer a este clube,somos muito grandes,Luis és o maior e ja agora muitps parabens pla classificaçao do blog
    Carlos Gomes
    socio scs 3800
    socio scs 08 226


  12. Magalhães Says:

    Amar até Morrer

    Caros Colegas Salgueiristas:
    Na vida todos nôs nos apaixona-mos, seja por pessoas ou entidades. Estar apaixonado pelo Salgueiros significa ser diferente, significa Amar com todas as nossas forças esta palavra Salgueiros, significa mesmo sem campo de jogos lá estaremos todos os fins-de-semana para ver o nosso clube.
    Ser Salgueirista significa ter pouco do clube, mesmo muito pouco, mas na hora de gritar, na hora de chorar por este nome Salgueiros lá estaremos.
    Na época passada várias fiquei "entalado" com a demonstração de Amor dos Salgueiristas pelo nosso clube; lembro jogos como o Pedroso, como o Bessa, como o do Cruz, etc, etc, aonde chorei com o meu pai, aonde chorei com o meu irmão por um clube que disputava a 2ª distrital.
    Na minha tenho recordações fantásticas, recordações que acabarão com a minha morte, pois são e serei até morrer SALGUEIRISTA.
    Como eu existem homens, mulheres e jovens que choram, que amam, que fazem loucuras por este nome que tanto AMO.
    Peço a todos que se coloquem em redor da equipa para a apoiarmos, para a equipa sentir este carinho e amor que só os Salgueiristas transmitem.
    Todos os dias peço a Deus pelo que mais gosto, aonde incluo o nosso Salgueiros.
    Olhando para este Blog dá para sentir a nossa força, a nossa paixão, dá para sentir que somos muito grandes, e o nosso sucesso está na mão dos Salgueiristas.
    Um Grande Abraço para todos que como eu AMA este clube até ao limite das nossas forças


  13. camapaco Says:

    Depois de ler o post que deu origem a estes comentários, apetece-me relembrar Raul Solnado que no fim de uma homenagem disse para a plateia:
    Um palavra: OBRIGADO
    Uma frase: MUITO OBRIGADO

    Eu como antigo jogador da década de 60 não posso pedir mais porque sei que a ALMA SALGUEIRISTA, mesmo decepada sabe dizer: Obrigado. Muito Obrigado.

    BIBA O SALGUEIROS


  14. Deus Says:

    Meus Caros,
    concordo com o Luís (pois conheço o seu forte empenho e dedicação) e com muitos dos que deixaram aqui os seus pensamentos (porque todos nós "vivemos e respiramos" uma vontade enorme de voltar a ver o Clube no lugar que merece e algumas vezes essa vontade sobrepõe-se à nossa realidade), contudo gostaria de deixar o seguinte comentário:
    Sou sócio do Salgueiros para sempre e serei do SCS'08 igualmente, não porque se trata de um "Clube diferente", pelo qual os Salgueiristas podem ainda não ter aquela "paixão" pois não o conhecem bem, mas porque essa é a realidade do Salgueiros, neste momento.
    O Sport Comércio e Salgueiros (cujo nome ainda nos faz vibrar e, por momentos, nos "coloca" no Vidal Pinheiro, em dia de jogo com casa cheia e muita vontade de ver o “Salgueiral”, sentindo - e reparem que não coloco esse real sentimento entre aspas, porque realmente sentíamos a Alma de um conjunto de pessoas: nem todas a dizer bem do Salgueiros, nem todas somente adeptas do Salgueiros, mas todas pelo Salgueiros), transformou-se no Sport Clube Salgueiros'08. Não tem a "mística"? Talvez ainda não, mas tem muito do "antigo Salgueiros": todas as pessoas – sócios e simpatizantes.
    Ainda somos muitos e ainda fazemos a diferença (mesmo com as nossas diferenças).
    Termino com o «porquê?!» de eu ser Salgueirista: Tenho 35 anos e não fui Salgueirista desde que nasci só porque o meu pai (que o era) me tenha colocado a sócio logo que “tenha chegado ao mundo” (só passados 12 anos me tornei Salgueirista, no papel).
    Sou Salgueirista desde que nasci, porque nasci Salgueirista.
    Sempre tive a enorme vontade de “ser de um clube” que tivesse acesso aos 3 resultados: Vitória, Empate e Derrota. Nunca tive o desejo de ser de um dos chamados "grandes" onde só se tem acesso às vitórias, pois tudo o resto é muito mau. Mesmo em algumas vitórias chega-se ao ponto de se ficar triste, pois necessitavam-se de vitórias “mais expressivas".
    No Salgueiros, viviam-se os resultados todos.
    As derrotas com tristeza mas com esperança; os empates com uma nostalgia de algo incompleto; e as vitórias eram uma verdadeira festa! Vocês lembram-se?
    É isso que quero dar à minha filha:
    Um legado de universal humanidade, de importâncias relativas (a conquista, pode ser um dos melhores sentimentos do mundo, mas não é o único) e de compartilhar algo único e nosso com todos aqueles que nos rodeiam.
    Sintam-se bem com aquilo que têm, pois é a melhor atitude a ter para poderem alcançar aquilo que desejam.
    Um Abraço a todos os verdadeiros Salgueiristas (os antigos ou os recentes) e a todos aqueles que podem tornar-se Salgueiristas, de verdade. Participem, unam-se e sejam (ou voltem a ser) o nº “12”.

    Até um dia!


  15. damas73 Says:

    "No Salgueiros, viviam-se os resultados todos.
    As derrotas com tristeza mas com esperança; os empates com uma nostalgia de algo incompleto; e as vitórias eram uma verdadeira festa! Vocês lembram-se?"
    ó Deus concordo contigo e se calhar estamos a ser(alguns eu incluido) um pouco injustos pois nessa altura os nossos resultados ate eram quase sempre magros com as vitorias a ser conseguidas com um ou dois golos de diferença.
    ainda me lembro de quando demos 6x0 ao estrela da amadora sai de vidal pinheiro euforico e no dia seguinte no trabalho todos me davam os parabens pela nossa robusta vitoria.
    como ja escrevi antes vamos fazer as contas no fim e depois logo se verá uma coisa é certa todos os que leem ou escrevem neste blog podem confirmar que nunca vamos desistir
    VAMOS ACREDITAR E DAR VALOR (mesmo que por vezes discordamos de alguma opçao )
    FORÇA SALGUEIROS
    TODOS JUNTOS
    VAMOS CONSEGUIR


  16. Nelgo Says:

    Com todos os comentários concordantes e discordantes, só existe uma coisa que nos une acima de tudo é sermos SALGUEIRISTAS por isso Domingo vamos a Perosinho apoiar o nosso SALGUEIROS.

    Força salgueiros
    Nelson Gouveia


  17. Vamos em frente e que todos possamos celebrar com os magníficos atletas do nosso Salgueiros...
    Um abraço


Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.


  • PRóXIMO JOGO

    SCS08 x NOGUEIRENSE
    SAB., 15 FEV. 15:00
    EST. PADROENSE



    COMENTÁRIOS

    ETIQUETAS